Localização
Vila Pouca de Aguiar (Concelho)
Investimento
5.718.333,53 €
2002 - 2003

Recuperação Ambiental da Área Mineira de Jales

Concluídos

A antiga área mineira de Jales situa-se na freguesia de Alfarela de Jales e Vreia de Jales, no concelho de Vila Pouca de Aguiar e distrito de Vila Real.

A mina de ouro de Jales foi explorada desde o tempo dos romanos (séculos I e II). Os trabalhos desenvolveram-se ao longo de 4 a 5 Km de extensão, atingindo os 120 m de profundidade. Possuía enorme impacte visual e de enquadramento, destacando-se da envolvente. A exploração recente foi retomada em 1929, com a exploração do sistema filoniano da Gralheira e, mais tarde, em 1933,  os trabalhos deslocaram-se para o Filão do Campo. Por insolvência da empresa exploradora, a mina foi encerrada em 1993, muito embora já desde 1992 a exploração e atividade mineiras se tenham praticamente limitado a simples trabalhos de manutenção e de conservação.

Esta foi a 1ª Obra de Recuperação Ambiental em Portugal, tendo as intervenções incidido sobre a escombreira e o efluente de fundo de mina.

Na empreitada de recuperação ambiental da escombreira, as principais atividades foram:

  • Selagem do Poço Mestre;
  • Reperfilamento ou modelação da configuração das escombreiras;
  • Selagem ou impermeabilização dos depósitos reperfilados;
  • Reorientação da drenagem natural das zonas envolventes, pela implementação de sistema de drenagem superficial periférico;
  • Implantação de sistema de drenagem superficial e sub-superficial;
  • Implantação de sistema de drenagem subterrânea;
  • Realização de tratamento paisagístico do local;
  • Instalação de vedação e sinalização adequada;
  • Demolições e limpezas de antigas instalações em ruínas.

Em 2006, foi realizada uma segunda empreitada para instalação da unidade de tratamento de efluentes de mina.

A primeira empreitada foi adjudicada ao consórcio Jeremias de Macedo & Ca., Lda. / MT3 – Engenharia e Obras, Lda. por 5.361.538,02 € e teve a duração de 240 dias. A segunda foi adjudicada à MT3 – Engenharia e Obras, Lda. por 356.795,51 € e teve a duração de 90 dias.

O investimento realizado foi co-financiado pelo Programa Operacional do Ambiente no âmbito do III Quadro Comunitário de Apoio e permitiu criar condições gerais de segurança, dada a proximidade desta área mineira de um núcleo habitacional, atenuar ou anular as agressões ambientais e ainda mitigar os impactes visuais e paisagísticos.

poa_ue
  • Situação inicial da escombreira

  • Escombreira ravinada

  • Dispersão eólica

  • Antiga lavaria em ruínas

  • Malacate do poço de Stª Bárbara

  • Modelação da escombreira

  • Impermeabilização da escombreira

  • Aspeto final da escombreira

  • Cobertura herbácea da escombreira

  • Aspeto inicial da galeria

  • Águas contaminadas

  • Construção do canal de descarga da galeria

  • Construção das lagoas da ETAM

  • Canal de descarga da galeria

  • Lagoas da ETAM

  • Wetlands da ETAM